quinta-feira, 29 de outubro de 2015

Texto - O Fim

E ai, galera?! Tudo beleza? Hoje trago mais um texto de minha autoria, espero que gostem!


Escute enquanto ler e vá aonde fui! :)



O texto (Conto)

A noite fria é a única coisa que me cerca, não há nada mais por perto. Para onde olho, só vejo o que não foi, o que me foi tirado, o que nunca me pertenceu. Meu mundo é formado por cores frias, vozes sussurrantes e olhares tristes.

Sobre meus pés sinto o tremor de um terremoto, a abertura de uma rachadura e o fim do que um dia chamei de vida. Mas nunca, nunca, ela se foi.

— Não sei o que fazer - digo para os raios que corta os céus. - Não tenho coragem, não tenho ânimo, não tenho o que viver.

A única resposta que recebo é o som dos raios, eles gritam, reluzem e ferem. Tenho inveja de seu poder, para mim nada resta, só o fim.

Corra, corra, corra!

— Corre? - pergunto para o vazio, e só recebo o silêncio. - Para onde? - tento novamente. - Me responda! - exigo minha resposta.

Nada me é dito.

Quem me disse aquilo? Quem? Para onde olho o que vejo me consome a alma. Algo está errado, isso não é certo.

Não desista, corra, se agarre!

— O que?

Algo lhe espera, confie em mim!

— Confiar? Em quê? Promessas, somente... uma promessa!

Nada nunca me foi fácil. Desde de cedo eu sentia o buraco que era minha alma. Somente o brilho de um futuro fracassado. Sempre disseram, e eu comprovei tudo, cada uma das palavras, cada insulto, cada olhar, cada pensamento, tudo!

A paz lhe espera, corra, se agarre!

Não disse nada, eu sei que não é verdade. Tudo foi tirado de mim, cada gotícula de esperança. Nada me espera. Nada. Já experimentei cada sensação de dor, de tristeza, de fracasso. Tudo que é ruim me foi dado, e me tirado. Nada sobrou, tudo vazio.

Cada canto só vejo o que não foi, o que me foi tirado, o que nunca me pertenceu. Sou somente uma casca sem vida, sem movimento, sem futuro.

Sim, sim! Venha, tenho algo para você!

O que seria? Nada sobrou! Só há vazio, esquecimento! Não tenho nada, nem lágrima vem aos meus olhos... A tristeza se foi, a dor morreu! Nada, tudo se foi! Tudo me deixou!

Não! Tenho algo para você! Confie em mim, corra, se agarre!

— Me agarra? Em que? Em que...

Venha! Corra, se agarre! Eu tenho o que você precisa!

— O que você tem? Me diz.

O fim, eu tenho o fim de tudo! O vazio irá desaparecer, e terá tudo que mais deseja!

— O que desejo?

Paz.

Paz. Nunca soube o significado. E se a voz podia me dar isso, porque não segui-la? Nada me espera, nada tenho, nada sou! Nada. Se nada acontecer, nada mudará, nada sentirei. O vazio é o que tenho. E o vazio terei se tudo for uma farsa.

Corra, se agarre! Eu lhe espero, lhe direi o caminho!

— O que tenho que fazer? Tudo tem um preço, não?

Sim, tudo tem um preço! A única coisa que peço é você, só você! Corra, se agarre! Confie em mim!

Porque não ir? Nada tenho mesmo! Ah muito tempo isso era assustador, mas hoje não sinto nada! Quando gritei pela primeira vez, o som não saiu. Quando olhei pela primeira vez, nada havia! E, com o passar do tempo, nada sobrou, tudo se foi.

Não! Estou aqui, venha! Tenho o que deseja!

— Quem é você?

O fim! Muitos me conhecem como morte, suicídio, homicídio, há tantas formas de me chamar!

— Quer dizer que pode me dar o fim?

Sim, eu tenho o fim! Eu lhe aguardo! Corra, se agarre!

Nada mais me espera, o que tenho? Exato, nada! Porque não segui? O que pode ser pior do que eu vivo? Nada tenho, nada sou, nada me espera.

Não! Eu lhe espero, sou teu! E será algo quando vier a mim! Corra! Venha!

E eu fui, corri! Me joguei no fim!

E, no final das contas, no final da minha existência, eu senti! A paz, ele me deu o que eu queria! E, por um momento, eu senti que não era só uma casca vazia, eu era algo mais. O fim me mostrou tudo. E, finalmente, entendi. Era dele que eu precisava. O fim, somente ele.

26 comentários:

  1. Muito bom! Parabéns.
    Você se sairia bem como escritor.

    Atenciosamente Um baixinho nos Livros.

    ResponderExcluir
  2. Adorei o teu conto, acho que deveria investir nisso, você escreve bem! Consegui transmitir além das palavras o que realmente o personagem está sentindo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Gostei da parte de PAZ,sempre me pergunto o que seria Paz para as pessoas.

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  4. ''Paz. Nunca soube o significado. E se a voz podia me dar isso, porque não segui-la? Nada me espera, nada tenho, nada sou! Nada. Se nada acontecer, nada mudará, nada sentirei. O vazio é o que tenho. E o vazio terei se tudo for uma farsa.'' Amei essa parte! Você daria um ótimo escritor, parabéns!

    ResponderExcluir
  5. Realmente, às vezes, precisamos somente do fim. Ótimo texto e excelente reflexão, forte e visceral.

    ResponderExcluir
  6. Gostei do texto, apesar de triste, ele é lindo e calmo também. Você leva jeito!

    ResponderExcluir
  7. O fim me mostrou que não era uma casaca vazia.
    E não somos mesmo, vivemos em busca de conhecimento e aprendemos todos os dias, no fim somos cheios de informação e verdade.
    <3
    Beijo
    www.livricios.com

    ResponderExcluir
  8. Oi Luan!
    Amei o texto, é realmente lindo. E acho que você não poderia ter escolhido uma trilha melhor para acompanhar a música, Stay é linda e consegue criar um melhor ambiente para o texto.

    Abraços
    http://ummundochamadolivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Oi, tudo bem?
    Achei seu conto bem legal então acho que você deveria continuar investindo e escrevendo mais para aprimorar cada vez mais sua escrita!!

    Beijos :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  10. gostei do teu texto, é algo bem profundo e me deixou meio na bad... =T

    ResponderExcluir
  11. Olá, um texto bem sombrio, que consegue transmitir bem sensações e emoções.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, e acho linda de se ouvir essa música.

      Excluir
  12. Oee,
    Adorei o texto!!! Eu ultimamente me arrisquei e postei algumas coisas autorais no meu blog hehe.

    Abraços!
    http://lendocomobiel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Wow ótimo texto, me fez lembrar dos contos de Poe, são os melhores.
    Se decidir seguir carreira de escritor conte comigo para comprar teu livro.
    SECRET MAGIC
    Xoxo

    ResponderExcluir
  14. Eu já te disse que realmente gosto da tua escrita né? continue assim e vai longe.

    ResponderExcluir
  15. Um ótimo texto, meio triste. Mas você escreve bem. Parabéns!

    ResponderExcluir
  16. Olá Luan, tudo bem?

    Logo que comecei o blog, eu postava alguns textos de minha autoria. Com o incentivo de alguns amigos, vou juntá-los em uma compilação de contos e publicá-lo na Amazon. Vai que né, rs.

    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Oiiie
    uau, que lindo texto, triste mas reflexivo, espero que vc tenha muito sucesso pois escreve super bem

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oi, tudo bem?
    Cara, me identifiquei muito com seu texto, passei por uma situação que fez sentir com um vazio muito grande, como se estivesse faltando alguma coisa, mas eu não sabia o que era. Ainda sinto este vazio de vez em quando, mas agora está mais fácil para poder contornar.
    Beijos, Larissa (laoliphant.com.br)

    ResponderExcluir
  19. O texto é bem reflexivo, mas com um toque depressivo. Parabéns pelo texto. Você tem tudo para ser um ótimo escritor. Continue exercitando.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  20. Olá Luan, amei seu texto, além de bem escrito trás uma bela reflexão <3

    Visite "Meu Mundo, Meu Estilo"

    ResponderExcluir
  21. Olá Luan, tudo bem?
    Adoro essa música, ela inspira bastante enquanto lemos, faz a leitura mais fluida, ótima escolha. O texto ficou bem bacana, adorei.

    ResponderExcluir
  22. Com o fim vem novos começos!!!! Adorei o texto, lindo delicado. Mas tive que ler duas vezes pq na primeira eu visualizei suicídio xD
    Beijos Angel Sakura
    www.euinsisto.com.br

    ResponderExcluir
  23. Luan!!
    Meu psico favorito!!!
    Que belas palavras...
    Sempre pensei que você tinha o dom das palavras, agora eu tenho a certeza absoluta!
    Parabens


    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  24. Oii! Tudo bem?

    Isso é o que muitas pessoas passam e eu acredito que nenhuma delas deveria ir para "o fim". Mesmo você achando que não vale a pena, tem que lutar.

    Beijos, Amanda
    www.vicio-de-leitura.com

    ResponderExcluir