sexta-feira, 4 de abril de 2014

Resenha: Alice no País das Maravilhas - Lewis Carroll

"Ó limpo Olímpio
Olim, piolim
Piolim, piolhinho
Piolhinho, piolhão
Olha o piolho
Que cai no olho!"


Informações do livro:

Autor: Lewis Carroll
Gênero: Ficção-Fantasiosa
Editora: Pocket Ouro
Ano: 2010
Páginas: 122
Sinopse: ( Sinopse do skoob )

Quando decidiu seguir um coelho que estava muito atrasado, Alice, caiu em um enorme buraco. Só mais tarde descobriu que aquele era o caminho para o País das Maravilhas, um lugar povoado por criaturas que misturam características humanas e fantásticas, como o Gato, o Chapeleiro e a Rainha de Copas - e que lhe apresentam diversos enigmas...



Vamos a Resenha:

"- Corte a cabeça deste! Corte a cabeça daquele!"


Alice no pais das maravilhas é um livro do gênero ficção-super-fantasiosa ( Não tenho certeza ) e conta a história de Alice que em um dia ensolarado estava deitada na grama com sua irmã quando avista um coelho branco que dizia está atrasado para um compromisso, Alice não ser surpreendeu pelo fato de o coelho falar. Só ficou intrigada pelo fato de o coelho retira um relógio de dentro do bolso e olhar as horas a ponto de segui-lo.

"Dê uma bronca diária no neném
E uma surra se ele espirrar!
Acredite, ele chora de propósito
Só pelo prazer de incomodar!"


Ao segui-lo, ela o vê entra em uma toca, e ao entra ela escorrega pra dentro e cai em um buraco, tendo uma queda segura e lenta, coisa que a deixou com várias perguntas. Quando chegou ao chão, ela percebeu que estava ilesa, sem nenhum machucado, nada. 

"- Não tem lugar! Não tem lugar!"

E observou que estava em um enorme salão e havia várias portas. Porém nenhuma estava aberta, e em uma porta minúscula, ela espiou pela fechadura e admiro-se com o jardim que ser encontrava do lado oposto da porta.

"[...] A toda hora, vejo coisas engraçadas!"


Enquanto isso ela viu uma chave em cima de um mesa, e um frasco dizendo "Beba-me". Observando que não ser tratava de um veneno, pois segundo ela, sempre vem escrito que é veneno, mas nesse, não continha nenhum vestígio que fosse de fato um veneno. Ela segura que não ser tratava de algo que a pudesse machucar, tratou logo de beber todo o liquido que continha o frasco, fazendo assim ela encolher, dando assim esperança á ela de passa pela pequena porta. 

"- A Rainha! Lá vem a Rainha!"

Porém, ela olha para cima e ver que esqueceu da chave da porta que pretendia passa. Suas tentativas de subi na mesa ser mostraram inúteis, por causa de seu tamanho atual.

"Não demorou muito, e todos foram condenados á morte. Escaparam somente o Rei, a Rainha e Alice."

E a parti dai Alice ser encontra ser aventurando em um mundo totalmente diferente, duvidando até mesmo de sua identidade e em busca do jardim que ela tinha uma vontade enorme de conhecer. Tendo nessa grande aventura encontrado vários tipos de criaturas e conhecendo o perigo de perto.



Comentários:


Nunca tinha lido esse tipo de livro - um clássico -, que provavelmente quase todos já leram. Mas eu estava querendo algo novo, algo que eu nunca tinha lido, algo diferente. E um dia me apareceu minha prima com este livro, e resolvi ler e logo me encantei. Terminei dois dias depois e minha mente ficou totalmente no mundo das “maravilhas”. 

Um dos motivos por eu ter lido este livro foi que é muito diferente, algo que eu ainda não havia lido e também pelo fato de mistura vários temas, fico até meio confuso em dizer tudo que penso sobre o livro, pois é de uma riqueza de simplicidade, criatividade e astúcia que me prendeu por completo.

E teve muitas coisas que fiquei na curiosidade que foi o seguinte: Como é que Alice não ficou impressionada pelo fato de o coelho falar, eu ficaria super curioso e ao mesmo tempo com medo. Mas ela só ficou na curiosidade quando o coelho tirou o relógio do bolso. Ser o coelho sabe falar, como ele não vai saber olha as horas, como? E também pelo fato que ao decorrer da história Alice não fica impressionada com os cenários, as criaturas que encontrou, agindo com a maior naturalidade.

Adorei os personagens que Lewis criou, tem uma mistura, uma criatividade que eu fiquei impressionado com tamanha astúcia e criatividade, um dos personagens que chamou mais minha atenção foi o Gato risonho é um personagem muito marcante na história tanto do livro quantos dos filmes que já foram feitos, e me encantou. Os cenários apresentados são até que normais só que com uma pitada de MARAVILHA, e com uns personagens bem extravagantes para dar charme.

A edição que li, é simples e ao mesmo tempo trabalhada, com imagem no inicio de capitulo. As paginas são brancas e a diagramação não é pequena e é até que grande para uma edição pequena. A capa é maravilhosa tendo a imagem de inicio do capitulo 12. A escrita é de uma fluidez anormal, fácil entendimento e é simples, sem detalhamento descomunal. Amei este livro


Parabéns Lewis e muito obrigado por essa obra que encantou tantas pessoas...

24 comentários:

  1. Ah eu ainda não li, conheço a história, mas agora fiquei curiosa pra ler, o mesmo que aconteceu com você, também comigo quando li Pinóquio, eu já era adolescente e pensei, hum vou ler um livro infantil que todos devem ter lido, mas me surpreendi com a simplicidade e riqueza de conteúdo que me prendeu do início ao fim. Pode ter certeza que vou querer ler depois dessa sua resenha. Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lia sim é ótimo e deixa você no mundo das Maravilhas....

      Excluir
  2. Sempre tive curiosidade para ler.. gostei!

    ResponderExcluir
  3. Olá Luan! Tenho bastante vontade de ler Alice.
    Não gostava muito da história quando era criança, mas hoje acredito que o universo simbólico que Lewis criou e de fato bastante interessante.
    Ótima resenha.

    espero sua visita =)
    http://numrelicario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Eu ainda não li, só assisti o filme pela metade, hehehehe.
    Adorei a sua resenha.
    http://singeloleitor.blogspot.com.br/
    Abraços!

    ResponderExcluir
  5. Olá! Adorei seu blog. :) Principalmente o seu cabeçalho!!! (rs)
    Eu estou com Alice no País das Maravilhas em mãos e ainda não o li. Achei muito bom saber, pelos seus comentários, ser um livro de agradável leitura. Há muitos leitores que não gostam por acharem que o autor foi "viajado demais", mas acredito que o Lewis Carroll era um autor com grande senso metafórico. Estou ansiosa para conferir, por mim mesma, se gostarei da leitura assim como você gostou! (rs)
    Já estou seguindo e curtindo seu blog. Seria um prazer receber sua visita também!

    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Muito bacana!!!
    Eu adoro a história de Alice. Parabéns!!!
    http://clubedolivrope.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Ai, adorei a resenha.. Queria muito ler este livro mais ainda não tive oportunidade.... Adore!

    ResponderExcluir
  8. Amei! Amei! Adoro Alice no pais das maravilhas e essa resenha demonstra tudo que senti quando li este livro..... Parabéns!!!!!!

    ResponderExcluir
  9. *---* Eu nunca pensei em ler o livro por que quando era pequena eu vi o filme hahaa, mas deve ser suuuppeerrr melhor que o filme *-* Os detalhes, a magia :D E eu também ficaria curiosa e assustada se um coelho falasse na minha frente haha o/ Boa resenha :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado, e a leitura é ótima... XD

      Excluir
  10. Adoro este livro!! Mesmo sendo um clássico, ele é sempre muito atual!!
    Resenha perfeita!!
    Amei mesmo!!!

    Bjkas

    Lelê
    http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Eu simplesmente AMO Alice no País das Maravilhas >,< É um livro tão magnifico, criando um universo tão paralelo e tão perfeito

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo plenamente!! Descreveu tudo que senti!! ^^

      Excluir